6/22/2014


Parabéns “  seu” Armando

  Foto: Patrícia Sarges



O

s funcionários da Agência Distrital de Icoaraci/ADIC, regozijados e com muito orgulho e alegria cumprimentam Dr. ARMANDO TAVARES DA SILVA pelo transcurso do seu aniversário natalício nesta segunda-feira, 22 de junho, augurando as Bênçãos de Deus para que continue iluminando a sua bela vida e desejando ao Grande Chefe e Amigo, muitas felicidades e muitos anos de vida e que faça o melhor pela nossa Vila Sorriso (Icoaraci).

Parabéns!

PARABÉNS.ARMANDO TAVARES



     Foto: Patrícia Sarges



Caro Armando,

Receba mais uma vez os meus sinceros cumprimentos pela passagem do seu aniversário com votos de felicidades e longa vida, para que possamos estar sempre juntos... mesmo não trabalhando no mesmo setor.
A amizade e o bem querer não vai nos separar nunca.


Parabéns, amigo!

6/14/2014

ELIAS PINTO

Livro reconstitui história do JORNAL PESSOAL




H


oje a série “Minhas Copas” dá uma parada – ontem ficamos lá na Espanha, em 1982, mas a Copa de agora já está correndo solta. O breque no assunto que domina o país é por uma causa mais que justa. Hoje à noite, no Museu da UFPA (Governador José Malcher, 1192), a partir das 18h, a jornalista Maria do Socorro Furtado Veloso lança o livro “Imprensa e Contra-hegemonia: 20 Anos do ‘Jornal Pessoal’ (1987-2007)”, pela Editora Paka-Tatu.


O livro é fruto da tese de doutorado da autora, apresentada na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, em março de 2008. O estudo reconstitui duas décadas (conforme explicita seu título) “da trajetória daquela que é considerada a mais influente e longeva publicação alternativa da Amazônia na atualidade. Trata-se do ‘Jornal Pessoal’, criado em setembro de 1987 pelo jornalista paraense Lúcio Flávio Pinto”. O também jornalista, e professor, Manuel Dutra assina o prefácio do livro. O “Jornal Pessoal” completa, em setembro próximo, 27 anos, no mesmo mês em que seu bravo e heroico (e aqui o qualificativo se aplica plenamente, até pelo recente título de reconhecimento mundial que o Lúcio recebeu) editor chega aos 65 anos de idade. Ainda comentarei, adiante, o livro de Socorro Veloso, pela importância que merece. Mas já deixo aqui a resposta do Lúcio a uma pergunta que lhe encaminhei, que segue “Lúcio, aos trancos & barrancos (e safanões), o JP vem (mais ou menos) sendo descoberto pela mídia nacional, depois, inclusive, do reconhecimento internacional, que os diversos prêmios atestam. A publicação já recebeu alguma atenção no âmbito acadêmico, mas qual a importância desse trabalho da Socorro que, vindo da academia, agora chega em livro?”   


A resposta do Lúcio: “A importância maior está na dedicação de anos da Socorro a esse tema. Ela leu todos os exemplares do jornal em 20 anos, fez entrevistas, realizou pesquisas adicionais e envolveu tudo isso com uma metodologia adequada para contextualizar o JP. É difícil a relação do jornal com o mundo acadêmico. Acho que a maior característica do JP é a atenção que dá aos fatos do cotidiano. Uma vez identificados os itens relevantes e novos da agenda diária da Amazônia, o jornal busca nexos causais, explicativos ou eliminadores dos fatos do dia a dia de uma Amazônia que está (sempre esteve e estará cada vez mais) no mundo. É por isso que ele se torna de vanguarda, como observou o então correspondente do ‘New York Times’ no Brasil, Larry Rohter. Ele teve a honestidade (e mesmo coragem) de dizer nas suas matérias, e, depois, no seu livro (‘Deu no New York Times’) que o JP foi o primeiro a apontar a influência chinesa na Amazônia, particularmente em Carajás. Anos antes eu tinha detectado o deslocamento da influência internacional dos Estados Unidos para a Ásia, naquele momento sendo o agente principal o Japão. Isso aconteceu primeiramente na Amazônia. Como se arrisca a anunciar os fatos novos e a buscar uma interpretação para eles, o JP faz rotineiramente o que os intelectuais cada vez mais se poupam de fazer: arriscar. Às vezes o jornal erra, às vezes acerta. Mas não deixa passar os sinais de mudança, rastreando onde eles ocorrem e como acontecem. Como frequentemente não há fontes secundárias nem bibliografia consolidada, ele se torna a primeira referência (e a primeira vítima). Os intelectuais acadêmicos não gostam de incluir publicações jornalísticas nas suas bibliografias nem arriscar seu conceito. Daí omitirem o JP, mesmo quando o utilizam como base de informações (não citadas). Ao tratar com respeito e seriedade o ‘Jornal Pessoal’, Socorro Veloso lhe conferiu seu sinete acadêmico valorizador”.


• • • • •


N. do R. – o livro foi lançado ontem no Museu da UFPa.

6/12/2014



ELEIÇÕES 2014                                                                                                                                 
O ano de 2014 no Brasil será histórico. Observado de perto pelo mundo inteiro, acontecerá no País um dos eventos mais importantes dos últimos anos e, por meio dele, será decidido o futuro nacional. Não, não estamos falando da Copa do Mundo de Futebol, mas das eleições que ocorrerão em outubro. Desde que as manifestações populares tomaram as ruas brasileiras em 2013, essa é a primeira vez que a população poderá mostrar sua indignação por intermédio de seu voto. De acordo com o Índice de Confiança Social (ICS) 2013, que é medido pelo Ibope, a confiança do brasileiro na política é cada vez menor. Em uma escala de 0 a 100, a confiança na Presidência da República atinge 42 pontos, seguida pelo governo federal, com 41. Eleições, sistema eleitoral e governo regional também levam 41 pontos cada um. O Congresso Nacional (29) e os partidos políticos (25) receberam os piores índices entre as 18 instituições avaliadas.
ELEIÇÕES 2014 II                                                                                                                                      
O doutor em Ciência Política e coordenador acadêmico da Fundação Republicana Brasileira (FRB), Leonardo Barreto, acredita que “o problema é a sensação de impotência que muitos alimentam em relação à política”. Para ele, o Brasil passa por um período de avanços e interrogações e a cada passo que damos na direção da solução de problemas antigos surgem novos desafios. Um dos grandes desafios neste ano é encontrar quem mereça nosso voto. Entre os candidatos aos diversos cargos públicos que terão eleições diretas há dezenas de nomes considerados “fichas-sujas” (pessoas que estão respondendo a processos ou foram condenadas por algum crime, inclusive má gestão pública ou corrupção). Procure nos sites os fichas-sujas e livre-se deles nestas eleições.
RIQUEZA E POBREZA 
“Amor não enche barriga”, já dizia a nossa avó. E, de fato, ela tinha razão. Se há um problema que quase sempre faz o amor fugir de casa, ele se chama “financeiro”. Dizem que quando o dinheiro acaba, o amor sai pela janela. Por mais que a harmonia reine, o amor exista e a cumplicidade também, não é nada fácil conviver com as dezenas de contas a pagar, somadas à falta de dinheiro e aos credores batendo à porta. Eles, de fato, tiram a paz de qualquer um e, pior, levam muitos relacionamentos à ruína. Quando os sonhos do casal viram dívidas, poucos têm maturidade e força para lidar com isso. É um ‘salve-se quem puder’ e cada um vai para o seu canto. Infelizmente, isso é um fato. Várias pesquisas mostram que os problemas com o dinheiro são a segunda maior causa de divórcios, só perdendo para as traições. Uma coisa é importante: é preciso definir quem vai comandar o dinheiro da casa, e não quem, necessariamente, ganha mais, mas sim quem faz uma gestão melhor, quem é o melhor administrador e, de preferência, aquele que é mais controlado com o dinheiro.

MATERNIDADE                                                                                                                                         
Instinto materno, família completa ou manter o casamento. Esses são mitos que ainda envolvem a maternidade. Influenciadas por essas crenças, algumas mulheres transformam a gravidez em um ato impulsivo ou em uma obrigação. O que elas não percebem é que ser mãe é uma decisão séria. Muitas engravidam por acreditar que esse é um dever de toda mulher. Outras desejam ter filhos para satisfazer uma vaidade pessoal, mas se esquecem de planejar a vida após o nascimento do bebê. Só em gastos com educação, saúde, lazer e alimentação, o custo de um filho até que ele complete 21 anos de idade pode ir de R$ 200 mil a R$ 1 milhão, segundo pesquisa do Instituto Nacional de Vendas e Trade Marketing (Invent).
MATERNIDADE II                                                                                                                                                  
Já o estudo Nascer no Brasil, da Fiocruz, mostra outro dado curioso: 55% das mães não planejaram engravidar. E o pior: 9% das mulheres não estavam felizes, mesmo com o bebê no colo. Foram ouvidas cerca de 24 mil mulheres, entre fevereiro de 2011 e outubro de 2012, em 191 cidades. Apesar das pressões da sociedade para que tenham filhos, cada vez mais mulheres têm assumido a escolha de não engravidar.
DESORGANIZAÇÃO                                                                                                                                    
É verdade que nenhuma mulher acorda super empolgada e disposta todos os dias. Especialmente quanto tem de realizar aquelas tarefas que não são tão agradáveis assim. Para aquelas que trabalham fora e ainda têm de cuidar dos filhos, do marido e da casa ser a Mulher Maravilha tem se tornado a cada dia uma missão impossível. Com a correria e a pressão diárias, a mulher acaba adiando ou até mesmo deixando de lado coisas importantes. Ou, algumas vezes, as faz de forma medíocre. Ao perceber a bola de neve em que sua vida se transformou, ela fica frustrada, com baixa autoestima e é atingida em cheio pelo pensamento: “sou incompetente!” Organize-se: liste seus afazeres, mesmo aqueles que não gosta ou não quer fazer.
DESORGANIZAÇÃO II                                                                                                                               
Não saber o que fazer primeiro, muitas vezes, é pior que o trabalho em si. Não estabelecer as prioridades pode ser o motivo dos problemas na execução. Aprenda a ser comprometida consigo mesma: mesmo não tendo alguém para cobrá-la ou incentivá-la a cumprir determinada responsabilidade, comprometa-se em fazê-la da forma adequada e livre-se dela o quanto antes Defina a importância das suas tarefas: programe-se para cumprir com as tarefas mais complexas e desconfortáveis, intercalando com aquelas que são mais corriqueiras e de rápida resolução. Assim, o dia não se tornará tão carregado, você ficará mais satisfeita e encontrará mais prazer nas suas realizações. Pense nisso!
PRÍNCIPE?                                                                                                                                  
O tempo está passando e você continua solteira. Vive pensando que o problema não está nas suas exigências, mas na falta de atrativos daqueles que fazem parte do seu convívio. Na verdade, você acha que todo parceiro em potencial que aparece está longe de ser o galã que você tanto sonha. Até surgem candidatos inteligentes, sinceros, trabalhadores, mas que não se encaixam nos padrões hollywoodianos que você espera: com uma grande beleza exterior. Que tal, a partir de agora, dar uma chance ao “sapo” que pode se tornar um “príncipe”? Lembre-se de que ele pode estar escondido atrás de uma aparência não muito atraente, mas que carrega atributos que realmente fazem a diferença num relacionamento. Muitos são divertidos, inteligentes, educados, maduros, compreensivos e acabam sobressaindo por aprimorar qualidades que a beleza não é capaz de proporcionar. Além disso, fatores como caráter e compromisso com Deus não podem ser esquecidos na hora da escolha.
DIÁRIO OFICIAL                                                                                                                                      
Na última quarta-feira, 11, o Diário Oficial do Estado do Pará completou 123 anos de existência com uma trajetória inovadora, com ênfase na tecnologia como ferramenta para tornar mais acessíveis as notícias sobre os atos governamentais. Além de ter sido o primeiro do Brasil a dispor de edição completa na web, a partir dos anos 1990, agora o Diário já pode ser acessado via dispositivos móveis, como celulares e tablets. Para comemorar a data, a Imprensa Oficial preparou uma edição encapada em policromia, com informações diferentes do que o leitor está acostumado a ver todos os dias.
DIÁRIO OFICIAL II                                                                                                                                   
 A edição também relança a coluna “A História no Diário Oficial”, que por longos anos foi editada e escrita pelo jornalista Ribamar Castro, falecido em fevereiro deste ano. Agora, sob a responsabilidade do jornalista Nélio Palheta, a coluna deverá ter periodicidade quinzenal, com exceções para algumas datas ou fatos históricos. É o caso da edição que será publicada, também, no dia 12 de junho e que fará referência a uma portaria relativa à Copa Mundial de 1970. Tecnologia – Desde dezembro do ano passado, o Diário Oficial do Estado pode ser acessado por meio de dispositivos móveis, como celulares, iPad, smartphones e tablets
MOTINHAS
________________________­­____


Pesquisa Ibope divulgada mostra que a presidente Dilma 
Rousseff oscilou negativamente em relação ao último levantamento. No cenário mais provável, que inclui candidaturas de partidos nanicos, a presidente saiu de 37% das intenções de voto em abril para 40% em maio e voltou a 38% em junho. ••• O pré-candidato do PSDB, Aécio Neves, saiu de 
14% em abril para 20% em maio e agora alcança 22%. Já o pré-candidato do PSB, Eduardo Campos, soma 13% das intenções de voto ante 11% em maio e 6% em abril. No mesmo cenário, o pastor Everaldo (PSC) manteve 3% das intenções de voto. José Maria (PSTU), Magno Malta (PR) e Eduardo Jorge (PV) têm 1% cada. ••• O jornal espanhol 
Mundo Deportivo classificou Bruno como "o melhor goleiro do Brasil" e disse que ele só não está na Copa por estar preso. O goleiro  pode estar perto de voltar aos gramados. Condenado a 22 anos e três meses de prisão pelo assassinato de Eliza Samúdio, ele conseguiu a transferência do presídio em Contagem para Francisco Sá, o que é um grande passo para que ele possa a jogar futebol profissionalmente de novo. ••• O governo autorizou nesta terça-feira/10, a elaboração de estudos para a construção de seis novas ferrovias, que somarão 4.676 km. Pela proposta do Pirarara, a principal via de escoamento da produção do Mato Grosso ligará Sinop (MT) ao porto fluvial de Miritituba (PA), de onde a carga seguirá em barcaças até os portos mais ao Norte. A estimativa das empresas é que 40% da produção de grãos e farelo do Estado sejam embarcadas por essa linha, batizada de "Ferrogrão". ••• A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou  projeto que estabelece regras para o exercício da profissão de Detetive Particular. O projeto foi aprovado em caráter conclusivo, sem necessidade de votação no plenário. O texto agora segue para análise pelo Senado. ••• Peemedebistas de todo o Brasil aprovaram ontem/10, na Convenção Nacional do partido, a manutenção da aliança com o PT para a eleição presidencial de outubro próximo. Os convencionais também aprovaram o nome do atual vice-presidente da República, Michel Temer, para novamente compor a chapa com a atual presidenta e pré-candidata à reeleição Dilma Rousseff. Égua, são os mesmos? Não acredito. ••• Atenção, todo cuidado é pouco, hoje é Sexta-feira/13. Não passe em baixo de escadas e livre-se de gatos pretos!... ••• Cândida Roberta Vilanova, ou simplesmente Roberta Vilanova, foi eleita presidente do Sindicato dos Jornalistas do Pará (SINJOR/Pa), prometendo continuar e aperfeiçoar o trabalho de Sheila Fará, que esteve na direção da Entidade por dois mandatos. Sucesso, Roberta. ••• Mais um final de semana, desta vez em clima de copa. Aproveite esta sexta-feira, vamos curtir músicas românticas no Taco de Ouro com o DJ Naza, imperdível. ••• Tripulação do Navio Breno que faz linha para Macapá saindo de Santarém toda segunda-feira às 18H00, são leitores de nossa coluna. Obrigado amigos. ••• Amanhã, sábado, encontro marcado na Garapeira Ypiranga do amigo Cacheado; estaremos lá com a Loira Gelada, Ruiva Destilada, Morena Quente, Negra Gostosa, Bela Dalila e Poderosa Beatriz. Fui.




VITÓRIA



ROBERTA VILANOVA (Chapa 1) é a nova presidente do Sinjor-PA





A
Chapa 1, - “Sou Mais Sinjor", liderada pela jornalista Roberta Vilanova, que tem como vice o repórter cinematográfico João Freitas, apoiada pela atual gestão do Sinjor-PA, venceu a eleição para a nova diretoria do Sindicato para o triênio 2014/2017, com 160 votos do total de 279 votos, contra 111 para a Chapa 2 - "Sindicato é para lutar!”, encabeçada pela jornalista Helena Palmquist, cujo vice era o repórter fotográfico Elcimar Neves.


A apuração começou logo depois do fim da votação, ontem/11. às 20h, com a presença dos fiscais das respectivas chapas e a coordenação da Comissão Eleitoral Local, presidida pelo jornalista Emanuel Villaça e integrada pelos jornalistas Vivianny Matos e Jorge Vidal.


A posse está marcada para o dia 26 de agosto.


Roberta Vilanova – jornalista há mais de 20 anos. Ela integrou a primeira turma do Curso de Jornalismo da Universidade Federal do Pará/UFPa. na década de 80 - agradeceu o apoio da categoria e disse que vai honrar a confiança de cada um: “Vamos continuar e ampliar o trabalho que vem sendo realizado pelo Sinjor-PA. O objetivo é avançar e colocar em prática tudo que falamos ao longo da campanha”.


A atual presidente do Sinjor-PA, jornalista Sheila Faro, comentou que a vitória significa uma resposta aos anseios da categoria, que decidiu pela continuação do trabalho do Sinjor-PA em prol dos profissionais da imprensa. “A vitória é de todos os jornalistas. Prevaleceu o respeito e o bom senso. Como afirmamos desde o início da campanha, a Roberta Vilanova responderá à altura. Ela é uma profissional dedicada e exemplar que respeita e defende os direitos dos jornalistas”.


Logo após o anúncio da vitória, a chapa vencedora distribuiu a seguinte mensagem:


"Venceu a União!


Por 160 votos contra 111, a nossa Chapa "Sou Mais Sinjor" venceu a eleição para a Diretora do Sindicato dos Jornalistas no Estado do Pará - Sinjor-PA, para o triênio 2014-2017.


Após três meses de campanha, chegamos ao final do processo eleitoral com a certeza de que o Sindicato dos Jornalistas do Pará sai fortalecido. Ganhou a proposta de renovação que traz consigo a virtude do diálogo, a capacidade de articulação e a compreensão de que o Sinjor precisa estar em primeiro lugar do lado do trabalhador jornalista.


Nós, da Chapa 1 Sou Mais Sinjor, vimos a público agradecer não apenas aos 230 votos de confiança registrados nas quatro urnas da eleição, mas a todos os parceiros, apoiadores, trabalhadores e entidades que acreditaram e acreditam na força da união para construir uma política seria que batalhe pela dignidade do trabalho e pela justiça social.


Essa vitória é nossa; é de todos os trabalhadores que acreditam que somar esforços é melhor do que dividir. É daqueles que acreditam que os jornalistas precisam de uma entidade forte, para angariar cada vez mais ganhos políticos e sociais para a nossa categoria. Esse também é o momento em que a austeridade ocupa o lugar da agressão. É o momento que, esperamos, os adversários se tornam companheiros em um projeto comum. Nós agradecemos o melhor espírito republicano que subsistiu nesta campanha. Louvamos os esforços da chapa 2 em ocupar os espaços e promover um processo de renovação por oposição. Oposição é sempre saudável, principalmente quando consegue obter resultados e ao mesmo tempo manter os limites de urbanidade. Temos absoluta certeza de que todos que viveram de corpo e alma esse processo (e nós o vivemos intensamente) saíram dele melhores, cheios de aprendizado.


O sindicato é, como sempre foi, e continuará sendo, de todos os seus filiados – sem discriminação qualquer que seja, ideológica ou não. Esperamos que esse processo histórico marque um novo momento do Sinjor, com efetiva participação. Participação que vamos trabalhar para manter e crescer. Um momento em que o jornalista possa ocupar seu espaço dentro do sindicato e ocupando espaço cada vez maior e mais importante na sociedade, para que ele possa construir também uma sociedade melhor.


Obrigado, mais uma vez, a todos que acreditaram neste projeto. Hoje nós descansaremos com justiça. E estaremos felizes de saber que amanhã estaremos de novo na luta e teremos vocês do nosso lado, com o voto de confiança renovado. Porque nós Somos Mais Sinjor e vamos somar cada vez mais.


Belém, 11 de junho de 2014."


_____________


Com o apoio de Franssinete Florenzano

6/09/2014



CROELHAS “no berço”









É
-me profundamente prazeroso o registro do aniversário natalício de um grande amigo e parceiro: JOSÉ SANTOS CROELHAS que esteve no berço na quarta-feira, 04 de junho.
Falar do Croelhas é um tanto difícil já que este importante icoaracioense é multifacetado. Professor, economista, publicitário – foi sócio da primeira agência de propaganda da “minha/nossa” Vila Sorriso... em seguida montou a sua própria, a Menphis; empreendedor, microempresário, dirigente de empresas, líder comunitário, político, radialista, etc.
Há 25 anos lançou o primeiro jornal da era moderna, o Jornal de Icoaraci, que após quase três anos passou a chamar-se O ESTADO... atualmente impresso  - formato tabloide 1 -  em papel jornal de excelente qualidade, nas modernas oficinas de O Liberal, com  a tiragem  de cinco mil exemplares, todos os meses.
Como o tempo é pouco para atividade, o nosso grande aniversariante há alguns anos em enregou a direção d´O ESTADO à sua filha, a administradora Rárima Croelhas Feio.
José Croelhas, ou simplesmente Croelhas o querido “pé redondo” que honra as suas (nossas) por  origens, esteve a frente dos destinos da sua (nossa) terra, na Agência Distrital de Icoaraci. Além das muitas realizações deixou um  legado para a posteridade, a Praça Professor Jorge Lopes Raposo, na Travessa Itaboraí ao lado da Igreja – Matriz de São Batista, frente  ao Conjunto Lopo de Castro.
Nessa empreitada, o então “subprefeito” não teve o apoio do prefeito – que nem vale a pena citar o nome – mas, essa atitude mesquinha do gestor não o arrefeceu... e com o apoio da comunidade - que muito o ajudou -, a construiu um belo logradouro que é mantido pela Municipalidade e pelos moradores que policiam o uso e conservam os brinquedos instalados.
José Croelhas dirigiu por quase um ano a Administração Regional do Outeiro/AROUT.
Croelhas exerceu, mesmo por pouco tempo, as honrosas funções de Secretário-Adjunto de Educação, neste Governo de Simão Jatene. Atualmente cuida dos interesses do deputado federal Nilson Pinto -, como Assessor Especial – que se prepara para rertornar à Câmara Federal com os votos de Icoaraci... claro.

Ah, sim, ele esteve frequentando o curso de pós-graduação do Núcleo de Altos Estudos Ammazônicos/ NAEA, da UFPs, aperfeiçoando-se em Economia Política aplicada à Região.
Eis um pequeno retrato do Dr. JOSÉ CROELHAS.  – que recebe as justas homenagens de todos os icoaracienses, orgulhosos filhos da “Vila Sorriso”.
Inclusive as minhas.

Parabéns, amigo.






IDADE 
                                                                                                                                                  Quando você completou 29 anos, provavelmente não percebeu nenhuma mudança significativa em seu corpo ou na sua mente. Contudo, espere chegar aos 30. Pode ser que você continue a mesma, no entanto, o cérebro humano é tão condicionado à marcação de tempo que o simples fato de somar mais um dígito à idade pode funcionar como um relógio psicológico que aponta o que você ainda não fez e talvez não tenha mais tempo de realizar em sua vida. Por que isso acontece? Na visão da doutora em psicologia Maria Thereza de Alencar Lima, essa mudança de dígito pode trazer para algumas pessoas uma sensação de que o tempo passa sem que tenhamos controle sobre ele.
IDADE II                                                                                                                                                                
“Passar de 29 para 30 anos de idade ou de 39 para 40 anos carrega consigo também o que uma determinada sociedade espera desse momento da vida. No entanto, por que justamente aos 30 e não aos 40 ou 50 anos? “Porque até os 30 anos a maioria das pessoas já cumpriu essas tarefas e deu conta de suas necessidades, que variam de um momento para outro da vida”, ressalta a psicóloga. No caso da mulher, a pressão para o casamento e para a maternidade são ainda maiores do que para os homens. “Uma maneira de lidar com esses conflitos é lembrar que os caminhos da vida adulta são hoje muito mais variados do que no passado e que a sociedade complexa dos tempos atuais exige e permite uma flexibilidade muito maior na experimentação e no exercício de papéis”, orienta Maria Thereza.
LÍNGUA INGLESA                                                                                                                                     
Começam na segunda-feira/9 as inscrições para estudantes que queiram concorrer a uma das 6.825 vagas ofertadas em cursos presenciais de língua inglesa por meio do Programa Inglês sem Fronteiras. Os cursos serão ministrados em universidades federais, e terão prioridade os estudantes que podem participar do Programa Ciências sem Fronteiras. As inscrições, exclusivamente pela internet, começam ao meio-dia e terminam no dia 2 de julho.

LÍNGUA INGLESA II

Podem se inscrever no processo seletivo alunos que atendam, cumulativamente, às seguintes condições: ser aluno de graduação, mestrado ou doutorado com matrículas ativas nas universidades federais credenciadas como Núcleo de Línguas (NucLi); alunos participantes e ativos no curso My English Online, cujas inscrições tenham sido validadas com até 48 horas de antecedência à inscrição no NucLi; e alunos que tenham concluído até 90% do total de créditos da carga horária de seu curso. Os cursos começam no dia 14 de julho, com a duração mínima de 16 horas e máxima de 64 horas.

TABAGISMO
                                                                                                                                                 
A nova regulamentação da Lei Antifumo no Brasil proíbe propaganda de cigarros até mesmo nos pontos de venda. Antes eram permitidas propagandas comerciais dos produtos no display dos estabelecimentos, locais onde os cigarros ficam expostos para a venda. A exposição dos produtos somente vai ser permitida com mensagens de alerta sobre os prejuízos provocados pelo fumo. O objetivo do Ministério da Saúde é proteger a população do fumo passivo e contribuir para a diminuição do tabagismo no país.

TABAGISMO II

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, explica que todas as formas de propaganda em veículos de comunicação também ficam proibidas e reforça que os locais de venda devem manter informações de alerta aos fumantes. "Todos os locais de vendas vão ter que manter mensagens de advertências sobre os malefícios do cigarro que vão ocupar 20% do espaço visível ao público em cada um dos locais e a proibição de venda a menores de 18 anos e o preço também devem ficar visíveis, então aqueles display que ficam nos estabelecimentos que comercializam ficam proibidos”. Disse o Ministro.

ELEIÇÕES 2014

Junho é um mês importante para as eleições deste ano. A partir do dia 10, os partidos políticos devem realizar convenções internas para escolher os candidatos e as coligações que vão disputar o pleito, em outubro. As legendas têm até o dia 30 de junho para apresentarem a Justiça Eleitoral, os nomes dos candidatos para presidente e vice-presidente da República; governador e vice-governador; senador e deputado Federal, além dos concorrentes aos cargos de deputado nas assembléias legislativas e câmara distrital, no caso do DF.

ELEIÇÕES 2014 II

Só podem concorrer nas eleições, os candidatos que tiverem certidões de quitação eleitoral emitidas pelos tribunais regionais eleitorais. A partir do dia 10, as emissoras de rádio e TV ficam proibidas de transmitir programas com participação de candidatos. Além disso, os partidos têm que comunicar a Justiça Eleitoral o limite de gastos de campanha. A propaganda eleitoral nas ruas e na internet começa no dia seis de julho e a campanha no rádio e na televisão vai começar no dia 19 de agosto. O primeiro turno das eleições 2014 vai ser no dia cinco de outubro.   

HALITOSE 
                                                                                                                                     Muitas pessoas não gostam de ir ao dentista. Algumas delas por medo, mas outras porque sentem vergonha do odor que exala de sua boca. Isso tem nome é Halitose, comum em cerca de 50 milhões de brasileiros, segundo dados da Associação Brasileira de Halitose. A grande maioria dos casos tem origem na boca, onde vivem centenas de bactérias com diferentes necessidades nutricionais. É importante que as pessoas saibam que a halitose não é uma doença, mas um sintoma de que algo não vai bem no organismo é que é fundamental descobrir a causa para introduzir o tratamento que, as vezes, pode exigir  participação de especialistas. Portanto, se você disser a pessoa que o hálito dela está alterado. É um benefício que está fazendo a ela. Para finalizar, o estômago, considerado pela maioria das pessoas como o vilão do mau hálito, é uma das últimas causas da halitose.

BR-163                                                                                                                                                     

O governador Simão Jatene esteve em audiência com o ministro dos Transportes, César Borges, em Brasília, para tratar de estudos que estão sendo feitos pelo governo federal para melhorar a logística de transportes na Rodovia BR-163, que liga Cuiabá, no Mato Grosso, a Santarém, no oeste do Pará. Participaram da reunião o senador Flexa Ribeiro e os deputados federais Lira Maia e Miriquinho Batista, além do prefeito de Santarém, Alexandre Von, o secretário executivo do ministério, Anivaldo Vale, e o diretor geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Jorge Bastos. A audiência foi solicitada para tratar de estudos que estão em andamento sobre a possibilidade de, após concluída a pavimentação da BR-163 – cuja previsão do governo federal para conclusão é para 2015 –, seja feita a concessão para melhorias de tráfego da via, que vem registrando aumento considerável no transporte de carga de grãos para exportação, sobretudo para o Porto de Miritituba, em Itaituba, e o Porto de Santarém.

MOTINHAS
________________________­­____


O  processo de aposentadoria do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, deve ser concluído em 15 dias. “Há uma tramitação. Não é assim tão simples. Leva uns 15 dias”, informou o próprio ministro, ao final da sessão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). ••• Um representante do Ministério da Integração Regional admitiu à BBC Brasil que existe a possibilidade que a obra de transposição do rio São Francisco, cuja previsão de conclusão é de até 2015, só termine em 2016. ••• Frederico Meira, Coordenador Geral de Acompanhamento e Fiscalização de Obras do Ministério da Integração Nacional, fez a afirmação durante uma visita a Salgueiro, cidade no sertão pernambucano, durante a realização de uma série de reportagens sobre a obra. ••• Amilton, cinegrafista santareno, atualmente na RBA Belém, está em Portugal juntamente com o Jornalista Adil Bahia para uma excursão e trabalho jornalístico, retorna na próxima semana. Boa viagem amigo. ••• O Hospital Regional do Baixo Amazonas, em Santarém, no             Oeste do Pará, é o primeiro hospital do interior do Estado a receber dos ministérios da Saúde e Educação (MEC) o título de Hospital de Ensino. A certificação foi concedida pela Portaria Interministerial nº 1.214, a oito unidades hospitalares brasileiras, localizadas no Paraná, Distrito Federal, Ceará, São Paulo e Pará. ••• Será nesta sexta-feira/06, a quermesse “Aparecida na Roça”, da Paróquia Nossa Senhora Aparecida. Haverá concurso de danças e venda de comidas típicas. O arraial inicia às 19h30min, na quadra ao lado da igreja. O evento também busca promover a integração dos grupos e das famílias da comunidade. Endereço: Avenida Marechal Rondon, nº 2485 - Aparecida, entre as travessas Barjonas de Miranda e Silva Jardim. ••• A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) poderá sugerir a criação de varas específicas do Judiciário para atender a denúncias de calúnia, injúria e difamação na internet. A preocupação é que a  Justiça não dê conta da demanda durante as campanhas eleitorais, que começam no dia 6 de julho. •••  Está ressurgindo a LDDA - Liga Distrital de Desportos Amadores, responsável pelo futebol de Icoaraci. Uma turma se comprometeu ajudar nessa tarefa... destacamente o capotão PM e engenheiro Sérgio Ramos, o desportista José Guedes e Aldemyr Feio ••• Hoje tem mais um amistoso da Seleção Brasileira, é uma pena que os adversários são fracos. A exemplo do Panamá que pegou de 4 X 0. Mesmo assim vamos prestigiar. ••• Um abraço ao amigo José Croelhas – homem importtante de Icoaraci - que aniversaria nesta semana. ••• Amanhã, sábado, é dia de visitar o Centro Cultural Garapeira Ypiranga do amigo Cacheado; vamos lá com a Loira Gelada, Ruiva Destilada, Morena Quente, Negra Gostosa, Bela Dalila e Poderosa Beatriz. Fui.



Parabéns,Feio
Peço licença aos leitores – os muitos que consegui amealhar nestes nove anos de blog em todo lugar, Graças a Deus – para registrar com alegria, o aniversário natalício de um grande amigo.
Trata-se do advogado e jornalista ALDEMYR FEIO, titular deste blog que nesta terça-feira/10 de junho, às três horas da tarde, segundo ele mesmo revela, completa 67 anos, dos quais 47 dedicados ao jornalismo, oficialmente.
Aliás, é que se diga, o nosso grande “pé redondo”, está se aposentando após 31 anos de Prefeitura Municipal de Belém.
Agora ele vai cuidar da sua querida Vila Sorriso de Icoaraci.
Gostaria de escrever muita coisa sobre o Feio, mas reservo para ele essas palavras saídas do coração: Parabéns Feio, Muitas felicidades, Muitos anos de vida aí em Icoaraci ao lado da sua amada Telma.

Tudo de bom, cabo.





RAY CUNHA


HIENA, novo romance de Ray Cunha, é publicado pelo Clube de Autores

 RAY CUNHA


BRASÍLIA, JUNHO DE 2014Hiena, novo romance de Ray Cunha, escritor amazônida radicado em Brasília, foi disponibilizado, a partir de hoje, no site do Clube de Autores, em versões para impressão (155 páginas, papel couchê 90 gramas, R$ 26,44) e e-book (74 páginas, R$ 5,38). Trata-se de uma história de detetive. Ao investigar o assassinato de um senador da República, degolado com uma katana, no Tropical Hotel, no Setor Hoteleiro Sul, em Brasília, o detetive particular Hiena faz a grande descoberta de sua vida.
Hienas são como bactérias grandes. Bandidos do reino animal. Atarracadas, quartos traseiros caídos, andar manquejante, começam a comer a vítima viva ainda na perseguição, rasgando-lhe o ventre, as vísceras espirrando. O humorista carioca Juca Chaves, Jurandyr Czaczkes, cunhou uma frase que se tornou um mito persistente: “A hiena é um animal que come fezes dos outros animais, só tem relações sexuais uma vez por ano e ri… mas ri de quê?”
 A Crocuta crocuta é predador sem igual. Caçadora formidável, chega a perseguir suas presas à velocidade de até 55 quilômetros por hora, em grupos que chegam a 100 indivíduos. O segredo desse vigor é um coração poderoso. Mas o que as tornam resistentes como baratas é que podem se alimentar de praticamente tudo, desde filhotes de leão, passando por insetos a ovos de avestruz, até carniça já cheia de vermes, e de outras hienas, além de suas próprias fezes. Contudo, caçam também animais de médio e grande portes, como gazelas, impalas, gnus e zebras. Suas mandíbulas são tão potentes que comem, normalmente, os ossos das suas presas, razão pela qual suas fezes são esbranquiçadas.
 O detetive Hiena, Crocuta crocuta, como chama a si mesmo, não é bem o que Jurandyr Czaczkes, o Juca Chaves, disse. Embora discreto, quando ri para valer sua gargalhada é atroadora. Gastrônomo, elegeu a cozinha paraense a melhor do mundo. Vive só, embora tenha namorada. Contudo, têm em comum com a Crocuta crocuta alguns traços, como o sistema imunológico, pois nunca ficou sequer resfriado; pode se alimentar de comida estragada sem se preocupar, já que não se intoxica; conta com dentes de aço; é resistente como as baratas; e capaz de atravessar qualquer circunstância de extrema tensão sem que seu batimento cardíaco se altere. Também guarda um traço físico em comum com a Crocuta crocuta: o tórax largo, sem ser do tipo cangula (sinônimo de pipa na terra das suas duas mães, Belém do Pará), largo em cima e fino em baixo.
 Com um metro e oitenta, lábios carnudos, cabelos de Al Pacino, o que mais chama atenção em Hiena são seus olhos bicolores, que amanheciam com um tom azul claro, permanecendo assim nos dias frios, mas à medida que a temperatura subia, iam ficando como lápis-lazúli e, à noite, independentemente do tempo que estivesse fazendo, eram sempre duas esmeraldas. Adotou o cognome Hiena por uma série de circunstâncias. Afinal, como disse José Ortega y Gasset: “O homem é o homem e a sua circunstância”.
_______________________________
MARCELO LARROYED
- escritor e mestre em teoria da literatura pela Universidade de Brasília (UNB)        


RAY CUNHANascido em Macapá, cidade que se debruça na margem esquerda do estuário do maior rio do planeta, o Amazonas, na esquina da Linha Imaginária do Equador, Amazônia Caribenha, Ray Cunha é autor de A Casa Amarela; Na Boca do Jacaré-Açu – A Amazônia Como Ela É; Trópico Úmido – Três Contos Amazônicos; A Caça; A Grande Farra; e Sob o Céu Nas Nuvens. Vive em Brasília-DF, com sua esposa e a filha Yasmim,
Ray Cunha - amigo de fé e irmão camarada - é nosso posto avançado em Brasília.